Uma leitura dominical

Gosto do tempo subversivo dos e-mails, que resiste à pressa das redes sociais. Fora que, através de uma escrita lenta, posso contar casos sem precisar driblar algoritimos ou me preocupar com curtidas. Sou grata pela leitura!